17 de março de 2014

E quando você parece ser a unica a gostar de uma coisa? #2

roses | Tumblr

Essa é a continuação do texto da semana passada (se ainda não leu clica aqui)

E quando você parece ser a unica a gostar de uma coisa? Parte 2 / Final

“...Uma semana se passou e parece que deu um certo resultado, as pessoas ainda sabem que eu gosto dela, mas mesmo assim voltaram a conversar comigo, é bem difícil não falar dela, pois parte importante da minha vida é feita dela, as vezes eles me pegam cantando músicas dela, isso é inevitável, elas acham engraçado o meu jeito e parecem estar me aceitando assim, mas não posso me esquecer de não tocar nesse assunto, vai que elas voltam a me excluir, não quero correr esse risco. 
Tenho que dizer, que é bom ter pessoas ao redor conversando e sendo amigáveis comigo, mas quero ser eu mesma, me controlando sempre, mas quero comentar sobre os shows e as loucuras que ela faz no palco, é tão mágico que tenho que compartilhar com meus amigos, mesmo eles não querendo ouvir, vão ser obrigados! 
Fiquei duas semanas sem falar absolutamente nada dela, e não aguentei mais, cheguei no colégio depois de ver a entrevista dela que tinha acabado de passar na TV, cheguei animada e histérica, gritando pra todo mundo: ‘vocês viram ela na TV? Ela estava tão perfeita, como pode?’ Todo mundo me olhou estranho, mas nem liguei, minhas amigas me chamaram de doida e deram risada, mas até me perguntaram como foi e como ela estava, eu disse: ‘ Ela estava deslumbrante, com um vestido em tom vinho, cabelos longos e loiros, olhos muito bem maquiados e saltos altos, sua voz estava um pouco rouca, mas ainda me deixava meio fora de mim... ’.
E por incrível que pareça, elas gostaram de me ouvir contar sobre ela, me senti tão bem. As vezes você só tem que se controlar um pouco, por que ai, chega uma hora que os outros vão querer saber do que você gosta e iram gostar mais ainda de você por esse motivo, é só ter calma e um pouco de paciência... Você não vai estar sozinha, seus verdadeiros amigos vão gostar de ti, do jeitinho que você é, e irão respeitar seu gosto musical, seu ídolo ou sua série preferida, seja as coisas mais doidas da terra ou não.”

Esse texto é um pouco baseado na vida real, mas como eu disse, tem um pouco de invenção da minha cabeça, espero que vocês tenham gostado e se quiserem que eu continue com esses tipos de texto é só comentar :)

Até o próximo post :*
 xoxo

Um comentário: